Polícia investiga origem de telefones falsificados apreendidos no Bairro do Recife

Chinesa foi presa com os aparelhos e encaminhada à Colônia Penal Feminina do Recife

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/04/2015 às 16:05
Leitura:

A polícia investiga a origem dos mais de 500 aparelhos celulares apreendidos com chinesa presa no camelódromo, no Centro do Recife, nessa sexta-feira (24). A estrangeira de 38 anos não teve a idade revelada e já está na Colônia Penal Feminina do Recife, no bairro do Engenho do Meio.

Além dos equipamentos originais e falsificados de diversas marcas, também foram recolhidas cerca de 300 baterias. O destaque da ocorrência foi a descoberta de mais de 200 selos da Anatel, o que dariam veracidade ao produto.

A chinesa vai responder na Justiça por seis crimes, entre os quais, fraude no comércio, receptação qualificada e falsidade de propriedade industrial. Luiz Alberto Farias, delegado da unidade localizada na Avenida Rio Branco, no Bairro do Recife, resume a ação:

Mais Lidas