VIOLÊNCIA

Morre no Hospital da Restauração policial civil baleado em tentativa de assalto no Ibura

Três suspeitos foram encaminhados para o DHPP e um quarto suspeito está sob custódia da políca

Da Rádio Jornal, atualizada em 05.05 às 7h47
Da Rádio Jornal, atualizada em 05.05 às 7h47
Publicado em 04/05/2015 às 15:01
Leitura:
Foto: Reprodução / Internet


Foi liberado do necrotério do Hospital da Restauração o corpo do policial civil Alexandro Santos Belo, de 37 anos. Ele foi morto na manhã desta segunda-feira (4), depois de ser baleado. O crime aconteceu no UR-3, no Ibura, na Zona Sul do Recife, em um local próximo à residência do policial. O policial estava no primeiro dia de férias.

O homem foi atingido na virilha, embaixo de um dos braços e no quadril. A polícia ainda não sabe a motivação do crime, mas o policial teve a arma roubada. Três suspeitos foram presos e encaminhados ao Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

O quarto suspeito é um presidiário em regime condicional. Rogério José de Oliveira, de 23 anos, que também ficou ferido. Ele permanece internado no Hospital Getúlio Vargas, não corre risco de morte e está sob custódia da polícia. Assim que receber alta, ele será preso.

O corpo do policial civil e ex-pm Alexandro dos Santos belo está sendo velado no Cemitério de Santo Amaro. Colegas de profissão devem prestar homenagens antes do sepultamento previsto às 11h desta terça-feira (5).

O presidente do Sindicato dos Policiais Civis, Aureo Cisneiros, exige apuração criteriosa da ocorrência:

Mais Lidas