CRIME

Dois homens são presos suspeitos de envolvimento em desvio de querosene de aviação

Com eles foram apreendidos mais de 500 litros do combustível em 20 galões

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 08/05/2015 às 14:03
Leitura:
Foto: DIvulgação / Polícia Civil


A Polícia Civil prendeu dois homens envolvidos em um esquema de desvio de combustível no Aeroporto Internacional do Recife. Com eles foram apreendidos mais de 500 litros de querosene de aviação em 20 galões.

De acordo com a titular da Delegacia do Turista, Inalva Regina, os motoristas de caminhões-tanque com o solvente vinham do Porto de Suape abastecer o terminal de cargas e a sobra era comercializada por R$ 28 cada galão com 20 litros.

Amarildo Flor da Silva, 42 anos, demitido de uma dessas empresas transportadoras, abordava e comprava o restante dos tanques para revender. Um funcionário de uma empresa de turismo, Manuel Fidelis da Silva Filho, de 48 anos, também foi preso. Ele comprava a sobra do produto. A delegada Inalva Regina já vinha investigando o esquema desde o fim de fevereiro.

Na investigação ficou constatado que o desvio não contava com a participação de funcionários do aeroporto, já que tudo ocorria depois que os caminhões terminavam o abastecimento. A compra ou venda do solvente é considerada crime contra a ordem econômica e a pena pode chegar a 5 anos de prisão.

Mais Lidas