CRIME

Pernambucana acusada de matar filho e envenenar ex-marido será transferida para prisão especial no Ceará

Cristiane Renata Coelho vai passar o final de semana na carceragem da Delegacia de Inteligência, em Fortaleza

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 09/05/2015 às 16:23
Leitura:
Foto: Reprodução / TV Jornal


Cristiane Renata Coelho, de 41 anos, se apresentou à polícia em Fortaleza, nessa sexta-feira (8). O mandado de prisão preventiva é assinado pela juíza Daniela Lima da Rocha da 3ª Vara do Júri do Fórum Clóvis Beviláqua.

A mulher é acusada de envenenar Lewdo Bezerra com chumbinho – agrotóxico vendido como raticida em novembro do ano passado. Já o marido, o subtenente do exército Francilewdo Bezerra, 45 anos, chegou a ficar em coma.

Na versão inicial, o militar foi acusado de agredir a pernambucana e obrigar o filho a ingerir a substância. Com o andamento das investigações, o caso teve reviravolta e, de vítima, Cristiane Renata Coelho passou a ser indiciada.

A polícia descobriu que ela usou o notebook da família para pesquisar na internet formas de envenenamento. Iewdo Bezerra, de 9 anos, que era autista, ingeriu o produto misturado num sorvete e o pai numa taça de vinho.

Cristiane Renata Coelho vai passar o final de semana na carceragem da Delegacia de Inteligência, em Fortaleza. Na próxima segunda-feira (11), a pernambucana será transferida para uma cela para internos de nível superior no presídio feminino Auri Moura Costa.

Walmir Medeiros, advogado de Francilewdo Bezerra afirma que a prisão é um misto de alívio e sofrimento:



LEIA MAIS
Continua foragida mulher acusada de envenenar filho e ex-marido no Ceará

Mais Lidas