POLÍTICA

Vereador assassinado é suspeito de crimes nas cidades de São João e Garanhuns

O vereador, que era conhecido como “Galo”, foi assassinado a tiros na noite dessa terça-feira (12)

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 13/05/2015 às 14:37
Leitura:
Vereador era conhecido como "Galo"
Foto: Carlos Eugênio / www.blogdocarloseugenio.com.br


O vereador Reginaldo Falcão da Silva, morto a tiros próximo à Prefeitura de São João, no Agreste do Estado, era investigado por supostamente ter participado de homicídios no município e em Garanhuns, também no Agreste. A Polícia Civil acredita que não houve motivação política, mas a hipótese não é descartada.

No site do Tribunal Superior Eleitoral, uma certidão de 2012 indica que não havia registros de antecedentes criminais sobre ele na Justiça Federal de primeira instância. O documento, porém, não abrange juizados especiais cíveis.

O vereador, que era conhecido como “Galo”, foi assassinado a tiros na noite dessa terça-feira (12), na Rua Augusto Peixoto, em frente à Prefeitura de São João. O delegado que está investigando o caso, Alisson Câmara, explica que ele está tentando identificar possíveis inimizades do vereador.

De acordo com as primeiras informações, os suspeitos teriam chegado ao local em um carro de cor branca e fizeram os disparos. O vereador morreu na hora. Ele era filiado ao Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB) e tinha 44 anos.

Quem tiver informações que possam ajudar a polícia na investigação do caso pode ligar para o Disque Denúncia pelo 3421.9595, para os moradores da Região Metropolitana do Recife, e pelo 3701.4545, para quem mora no interior do Estado.

LEIA MAIS
Vereador de São João é assassinado a tiros em frente à Prefeitura da cidade

Mais Lidas