EDUCAÇÃO

Professores da rede estadual de ensino fazem nova assembleia para definir rumos da greve

A Secretaria Estadual de Educação divulgou que 83%, equivalente a 875 escolas não paralisaram as atividades na segunda

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 02/06/2015 às 15:34
Leitura:
Assembleia acontece no Clube Internacional do Recife
Foto: Ísis Lima / Rádio Jornal


Os professores da Rede Estadual de Ensino fazem mais uma assembleia na tarde desta terça-feira (2), no Clube Internacional, no bairro da Madalena, para definir os rumos da greve da categoria. Desde a última segunda-feira (1º), o primeiro dia útil depois que a greve foi deflagrada, a adesão entre os profissionais foi baixa. De acordo com a Secretaria de Educação, 2% dos professores aderiram a paralisação, ou seja, 17 unidades de ensino haviam aderido totalmente ao movimento.

Este número se reflete no número dos profissionais que participaram da reunião. No mês passado os professores haviam deflagrado greve e neste mês decidiram retomar a paralisação.

O professor de geografia Rodrigo Correia de Lima, há nove anos na rede estadual, afirma que houve um enfraquecimento do movimento: “Após duas paralisações e por uma proposta por parte do Governo os professores se desgastaram neste segundo momento”, acredita.

A Secretaria Estadual de Educação divulgou que 83%, equivalente a 875 escolas não paralisaram as atividades.

Mais Lidas