RECIFE

Adesivaço na Agamenon Magalhães conscientiza sobre a necessidade da doação de órgãos

O ato encerra a Semana Estadual de Incentivo à Doação de Órgãos

Da Rádio Jornal; atualizada às 14h35
Da Rádio Jornal; atualizada às 14h35
Publicado em 03/06/2015 às 10:38
Leitura:


Um adesivaço sobre a necessidade da doação de órgãos chama a atenção dos motoristas que trafegam em frente ao Hospital da Restauração, na Avenida Agamenon Magalhães, no bairro do Derby, área central do Recife, na manhã desta quarta-feira (3).

O ato encerra a Semana Estadual de Incentivo à Doação de Órgãos, que contou com palestras e campanhas de incentivo sobre o assunto em repartições públicas, como na Secretaria de Educação.

A coordenadora da Central de Transplantes, Noemy Gomes, afirma que o adesivaço faz alusão à pressa das pessoas para se locomover e à pressa daqueles que estão na fila de espera por um órgão. Segundo ela, o adesivaço, que conta com apoio de pacientes que fizeram transplante de fígado, seguiria até por volta das 12h.

Confira matéria completa na voz de Leslia Perlim, para a Rádio Jornal:

DOAÇÃO DE ÓRGÃOS - Hoje, há 1298 pessoas na fila de espera por órgãos em Pernambuco. Um doador com morte encefálica pode beneficiar até sete pessoas que precisem de órgãos. Em 56% dos casos, as potenciais doações acabam não ocorrendo pela resistência dos parentes.

Mais Lidas