PROGRAMAÇÃO

Polêmica na Parada Gay em São Paulo é destaque no Passando A Limpo desta terça

Além do assunto, as mudanças nas editorias de publicações do País também foram comentadas no programa

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 09/06/2015 às 11:06
Leitura:
Foto: Reprodução / Internet

O Passando A Limpo desta terça-feira (9) trouxe os assuntos mais comentados do Brasil e do Estado para a manhã da Rádio Jornal. O jornalista Ivanildo Sampaio esteve presente para falar sobre as mudanças que vêm ocorrendo nas editoras de revistas e jornais ao redor do País.

A editora Abril é um dos exemplos das mudanças editoriais drásticas do País. Nesta semana, o anúncio de que ela vendeu sete revistas e deixou de produzir a revista Capricho em papel foi um choque para muitos. Agora, adolescentes que lêem a revista só poderão usufruí-la na versão digital. Ivanildo trouxe uma linha do tempo sobre o mercado editorial do Brasil. No Rio de Janeiro, por exemplo, publicações como o Correio da Manhã, Tribuna da Imprensa e A Tarde tinham grande sucesso e se extinguiram.

A polêmica causada entre grupos religiosos e o movimento LGBT após uma publicação do Pastor Marcos Feliciano nas redes sociais, porém, foi o assunto de maior repercussão do programa desta terça. O Pastor divulgou a imagem de uma intervenção que aconteceu na 19ª Parada de Orgulho LGBT deste domingo, em São Paulo, onde uma transexual estava crucificada sob uma placa que tinha o dizer "Basta de Homofobia com GLBTs". Muitos encararam a representação como uma ofensa ao nome de Jesus, outros defenderam o ato e afirmaram que aquela era uma representação da humilhação sofrida pelos GLTs diariamente.

Confira o Passando A Limpo desta terça-feira na íntegra:

Mais Lidas