TRADIÇÃO

Com queda de 15% na produção, preço do milho deve subir durante o período junino no Ceasa

Cinquenta espigas estão sendo vendidas por R$ 24. Dependendo da qualidade do produto, o valor pode variar de R$ 20 até R$ 40

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 12/06/2015 às 14:03
Leitura:
Foto: Lélia Perlim / Rádio Jornal


Com a chegada do período de festas juninas, aumenta a procura pelo milho, principal ingrediente das comidas da época. No Centro de Abastecimento e Logística de Pernambuco (Ceasa) cinquenta espigas estão sendo vendidas por R$ 24, em média. Mas, dependendo da qualidade do produto, o valor pode variar de R$ 20 até R$ 40. Os preços devem subir mais, por causa da queda de 15% na produção do cereal, como detalha o presidente do Ceasa, Gustavo Melo.

O agricultor José João de Souza trouxe de Lagoa do Itaenga 200 mãos de milho, o equivalente a 10 mil espigas. Ele relata que os consumidores estão poupando mais nas compras.

O pátio de comercialização do milho verde no Ceasa foi entregue, nesta sexta-feira (12), em um evento que contou com a participação do governador Paulo Câmara e de vários secretários de governo. O local de 7 mil metros quadrados, e que recebeu investimentos da ordem de R$ 1 milhão, disponibiliza atendimento 24 horas até o dia 23. No dia 24, véspera de São João, o horário de funcionamento vai das 5h às 13h.

LEIA MAIS
Abertura do Pátio do Milho da Ceasa começa com muito forró e apresentações juninas

Mais Lidas