DESPEDIDA

Chuva adia enterro do corpo de Maria Alice Seabra, jovem assassinada pelo padrasto

A mãe da garota de 19 anos está em estado de choque. Familiares da jovem organizam cerimônia de despedida para a sexta-feira

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 25/06/2015 às 11:33
Leitura:
Foto: reprodução/facebook


Na próxima sexta-feira (26) completa-se uma semana do desaparecimento da jovem Maria Alice Seabra Amorim, de 19 anos, mas a dor da família está longe de ter um fim. A data foi escolhida para marcar a despedida da garota e o enterro do seu corpo no Cemitério de Santo Amaro. A escolha também foi feita por causa das fortes chuvas que caem nesta quinta (25) na Região Metropolitana do Recife. Saiba mais na reportagem de Lélia Perlim:

O corpo de Maria Alice passou por perícia no IML na manhã desta quinta. O procedimento foi acompanhado pelo tio da vítima, Valmir Arruda, que lamentou a morte da sobrinha, mas não se mostrou surpreso ao saber da notícia. "Desde o domingo eu sabia que aquele marginal tinha feito uma coisa horrível com ela", afirmou.

A jovem saiu de casa com o padrasto na última sexta-feira (19), no bairro da Estância, na Zona Oeste do Recife, para uma entrevista de emprego junto com o pedreiro Gildo da Silva Xavier. Em depoimento informal, Gildo confessou ter matado a menina e deixado o corpo no canavial na noite do mesmo dia em que ela foi sequestrada.

Mais Lidas