DIRETO DE BRASÍLIA

Reajuste do salário mínimo de aposentados e pensionistas gera divergência na câmara

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 26/06/2015 às 7:57
Leitura:

O Presidente da Câmara dos Deputados, Deputado Eduardo Cunha, considerou um erro a aprovação de uma medida estendendo a política de reajuste do salário mínimo aos aposentados e pensionistas do INSS com os mesmos índices utilizados para reajustar o mínimo.

"Da forma como ela foi feita ela atrapalha o próprio trabalhador", disse Cunha. A saída para o Governo é não votar a medida provisória até que ela perca a validade e aguardar o tempo certo para que as medidas de ajuste fiscal sejam votadas pela Câmara e pelo Senado sem que assuntos estranhos à medida provisória sejam acrescentados.

Para o aposentado, a decisão tomada pela câmara é boa, já que os vencimentos dos aposentados podem vir a ser corrigidos acima da inflação; para o governo, a medida é drástica, já que pode causar um rombo de quase R$ 9 bilhões aos cofres da previdência.

Confira o comentário diário de Romoaldo de Souza, repórter da Rádio Jornal em Brasília, publicado no Redator de Plantão desta sexta-feira (26). O programa é transmitido da segunda ao sábado, das 6h às 6h45:

Mais Lidas