RECIFE

Polícia Federal prende duas mulheres com 10 kg de pasta base de cocaína no Aeroporto do Recife

As mulheres, que vinham de Foz do Iguaçu, estavam com drogas fabricadas na Bolívia sob roupas de frio

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/07/2015 às 10:01
Leitura:
Foto: Divulgação / Polícia Federal

Duas mulheres presas pela Polícia Federal no Aeroporto Internacional do Recife por tráfico de drogas já estão na Colônia Penal Feminina do Bom Pastor, no bairro do Engenho do Meio, na Zona Oeste do Recife.

As mulheres, identificadas como Ione Dias Pereira, de 19 anos, e Dandara Alves da Silva, de 23 anos, vinham da cidade de Foz do Iguaçu, no Paraná, com cerca de 10 kg de pasta-base de cocaína, distribuído em 18 tabletes amarrados nos corpos delas.

O assessor de imprensa da Polícia Federal, Giovani Santoro, informou que os policiais perceberam o grande volume de roupas das suspeitas, que foram selecionadas para serem submetidas a uma entrevista prévia, onde começaram a se contradizer. Assim, policiais femininas foram chamadas para fazer uma revista, encontrando a droga.

As suspeitas foram presas em flagrante e não deram detalhes sobre as pessoas envolvidas na preparação das drogas ou quem as receberia no Recife. A Polícia Federal detectou que a droga veio da Bolívia, e com a quantia traficada era possível fazer 127 mil pedras de crack.

Esta é a primeira apreensão de drogas feita pela Polícia Federal no Aeroporto Internacional dos Guararapes, e a 12ª feita em todo o Estado neste ano. Ao todo, 20 pessoas já foram presas, 682 kg de maconha, 144 kg de pasta-base de cocaína e 4 kg de crack já foram apreendidos em Pernambuco.

Confira matéria completa na voz de Lélia Perlim, para a Rádio Jornal:

Mais Lidas