NORDESTE

João Paulo toma posse como superintendente da Sudene no mesmo dia que Justiça Federal determina desocupação do prédio

João Paulo foi nomeado pela presidente Dilma Rousseff há uma semana. Ele assume o lugar de José Márcio de Medeiros

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 28/07/2015 às 17:31
Leitura:
Foto: Roberto Pereira / Sei


A Primeira Vara da Justiça Federal em Pernambuco determinou a desocupação imediata do prédio da Superintendência de Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), localizado no Engenho do Meio, na Zona Oeste do Recife. O juiz federal Roberto Wanderley Nogueira atendeu uma liminar movida pela Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 6ª Região que classificou as condições de funcionamento do imóvel como “precárias e insalubres”. A ação foi divulgada horas antes de tomar posse como superintendente da Sudene, o ex-prefeito do Recife e ex-deputado federal pelo PT, João Paulo Lima.

O Tribunal Regional do Trabalho da 6ª Região determinou o fechamento do Fórum Advogado José Barbosa de Araújo onde funcionam as 23 varas do trabalho do Recife, nesta terça e na quarta. Durante esse período também ficam suspensos os prazos processuais – incluindo processos físicos e eletrônicos – no fórum. A medida foi adotada, preventivamente, pelo tribunal em decorrência da decição da Justiça Federal sobre a evacuação do edifício. A justiça determinou, ainda, que os mobiliários, aparelhos de informática e documentos sejam retirados do imóvel em até 5 dias.

A cerimônia foi realizada no auditório do 13º andar do prédio. O evento contou com a participação de governadores de vários estados do Nordeste, entre eles Ricardo Coutinho, da Paraíba, e Paulo Câmara, de Pernambuco, além de outras autoridades políticas e lideranças sociais. A melhoria do prédio, que começou a ser construído em 1969 e foi inaugurado em 74, foi tema do discurso do ministro da Integração Nacional, Gilberto Occhi.

Por outro lado, João Paulo ressalta os demais desafios à frente da Sudene e as especulações sobre uma possível candidatura dele para prefeito do Recife em 2016.

João Paulo foi nomeado pela presidente Dilma Rousseff há uma semana. Ele assume o lugar de José Márcio de Medeiros Maia e se torna o quarto superintendente da nova Sudene, recriada por meio de lei complementar em 2007. A justiça concedeu prazo de cinco dias para que os responsáveis pelos 15 órgãos públicos que funcionam no imóvel retirem equipamentos e documentos indispensáveis à continuidade dos serviços.

Mais Lidas