RODOVIÁRIOS

Sem ônibus na RMR, semana começa complicada

TST reduziu e unificou os percentuais em 9% nos salários e no tíquete alimentação

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 03/08/2015 às 5:58
Leitura:
Ônibus saíram das garagens às 10h, segundo o sindicato dos rodoviários
Foto: Edmar Melo/ JC Imagem

A semana dos usuários do transporte coletivo da Região Metropolitana do Recife começa sem ônibus. A situação se confirma em várias vias do Grande Recife, a exemplo da Av. Caxangá, na Zona Oeste do Recife, na Av. Agamenon Magalhães, na área central da capital pernambucana, no Ibura, na Zona Sul, e no Janga, em Paulista.

A paralisação é uma resposta à decisão provisória do Tribunal Superior do Trabalho (TST). O Tribunal Regional do Trabalho TRT concedeu 12% nos salários e cerca de 60% no tíquete alimentação. No entanto, o TST reduziu e unificou os percentuais em 9%.

Na garagem da empresa Globo, no Bairro da Guabiraba, Zona Norte do Recife, a repórter Clarissa Siqueira conversou com Genildo Pereira, assessor de comunicação do sindicato. Ele afirmou que os ônibus seriam liberados às 10h. "O departamento jurídico já está em Brasília trabalhando toda essa situação. Enquanto não houver um julgamento dessa situação vai permanecer os 9% por isso a categoria insatisfeita fez esse protesto e o sindicato apoia a categoria a todo momento", afirmou.

Questionado sobre a rincha dentro do sindicato, Genildo foi enfático: "Não existe essa rincha. O que existe é uma situação política. São pessoas querendo se promover em determinada esfera da sociedade para as eleições de 2016".

Amanhã, o sindicato vai realizar uma caminhada a partir das 14h, com saída da praça Oswaldo Cruz, na Boa Vista, em direção ao Palácio do Campo das Princesas.

Confira os detalhes:

Internauta @rafatelles mandou foto da situação de uma parada no Jordão Baixo
Pelo telefone, o assessor de comunicação do Sindicato, confirmou que 100% da frota permaneceu nas garagens no início da manhã. Os representantes da categoria ficaram até às 10h nas garagens para monitorar a situação.
Na Avenida Presidente Kennedy, em Olinda, também sem coletivos. Foto: @tintilo

O Sindicato dos Rodoviários diz que vai recorrer da liminar impetrada pelos donos de empresas de ônibus. Já o grupo de oposição convocou a categoria para um encontro às 9h na sede do Sinpere, em Santo Amaro.

Mais Lidas