ECONOMIA E NEGÓCIOS

Empréstimos subsidiados do BNDS custam R$ 184 bilhões à União

Esse foi o assunto da coluna Economia e Negócios, desta segunda-feira (10), com o economista Ecio Costa

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 10/08/2015 às 13:18
Leitura:

Mesmo com a decisão do Governo de suspender os repasses de recursos do Tesouro ao BNDS, o Ministério da Fazenda estima que a União ainda vá arcar com um custo de R$ 184 bilhões nas próximas décadas com os empréstimos subsidiados concedidos ao banco a partir de 2009.

A projeção, inédita, mede a diferença entre os juros reduzidos pagos pelo BNDS ao Tesouro e a taxa média que o Governo paga ao mercado para tomar emprestado recursos, pela venda de títulos. Essa diferença não é coberta pelo Orçamento, mas contribui para elevar a dívida pública.

Confira a coluna Economia e Negócios na íntegra:

Mais Lidas