#FORÇAGINO

Quadro de saúde de Gino César tem pequena evolução, mas permanece internado

Estado de saúde ainda é considerado grave. Gino não está mais sendo sedado

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 15/08/2015 às 18:54
Leitura:
Foto: JC Imagem

O quadro de saúde do locutor Gino César, o repórter do Bandeira Dois, da Rádio Jornal, teve uma pequena evolução mas seu estado de saúde ainda é considerado grave. Gino, que tem 79 anos, foi internado na última segunda-feira (10) após sofrer um infarto agudo do miocárdio.

O coração e pulmão do locutor estão estáveis e ele não está mais sendo sedado. Gino já pode receber poucas visitas, porém, ainda permanece imcubado. Ele foi submetido a um cateterismo e colocou dois stents. Além disso, está fazendo tratamento para disfunção renal e, por causa de uma anemia, teve que ser submetido a uma transfusão de sangue.

Segundo o cardiologista Dinaldo Cavalcanti, o coração e a pressão estão estáveis e a função renal apresenta uma boa resposta. Como forma de prevenção, um antibiótico foi passado já que o locutor está há um longo tempo na UTI.

Há mais de 30 anos na Rádio Jornal, Gino César é referência quando o assunto é polícia. No período em que está afastado do programa, quem assume o comando, temporariamente, é o repórter policial Eliel Alves.

Mais Lidas