COMPORTAMENTO

Programa Comportamento debate os direitos da pessoa com deficiência

O Comportamento também comentou notícias que repercutiram nos últimos dias, como o primeiro alimento que foi completamente produzido no espaço

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/08/2015 às 14:51
Leitura:
Foto: Pedro Souza


A acessibilidade foi a principal pauta do Comportamento desse domingo (23). No debate do programa, Clarissa Siqueira conversou com os convidados sobre os problemas que as pessoas com deficiência têm que passar diariamente para se locomover em meio a cidade.

Com a apresentadora, estiveram a enfermeira e cadeirante, Maria Eduarda Carvalho; o chefe de divisão da Pessoa com Deficiência da Prefeitura do Recife e deficiente visual, Paulo Fernando; e o arquiteto urbanista e secretario de Desenvolvimento Urbano do Paulista, Paulo Marenga.

Durante o debate, os convidados trouxeram as novidades que foram recentemente desenvolvidas para facilitar a vida de quem vive com a deficiência, mas também foram debatidos os sérios problemas que as cidades trazem para o deficiente que precisa de locomover sozinho – ou até acompanhado. Além disso, a questão do preconceito foi fortemente mencionada. Por fim, a convidada Maria Eduarda Carvalho também compartilhou a experiência que tem vivido contanto suas histórias no blog pessoal Duda quer passar.

O Comportamento também comentou notícias que repercutiram nos últimos dias, como o primeiro alimento que foi completamente produzido no espaço, a pesquisa que afirmou que formigas são mais inteligentes que crianças da 5ª série e o dado coletado que apontou que quem usa a rede social Twitter se masturba mais. Será que casais que conversam com linguagem infantil entre si são mais felizes? Isso também foi pauta do programa.

Na coluna Meus Amores da Televisão, com o jornalista Rafael Souza, o assunto do dia foi o medo de morrer. Rafael e Clarissa lembraram dos grandes casos de personagens da TV que viviam com o medo da morte. E, como de praxe, a psicóloga Silvana Melo tirou as dúvidas dos ouvintes.

Também no Comportamento desse domingo, Clarissa Siqueira conversou com a psicóloga especializada em psicologia infantil, Priscila Bastos, sobre o caso de uma criança que presenciou a morte do pai.

Você perdeu o programa? Confira, agora, na íntegra:






Mais Lidas