ATENDIMENTO

Terceirizados retomam trabalhos na Farmácia do Estado

Em assembleia, a categoria decidiu encerrar a greve em respeito aos pacientes que buscam o serviço

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 26/08/2015 às 8:36
Leitura:
Legenda

Mesmo sem salário no bolso, os funcionários terceirizados da Farmácia do Estado retornaram ao trabalho, nesta quarta-feira (26). No entanto, a falta de medicamentos ainda persiste.

O atraso que inclui entrega de tíquetes alimentação e vales transporte chega a 50 dias. Em assembleia, a categoria decidiu encerrar a greve em respeito aos pacientes que buscam o serviço.

A repórter Clarissa Siqueira foi ao local e conversou com pacientes:

O problema é que há vários remédios com estoque zerado na Farmácia do Estado e sem previsão de compra. Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde diz estar empenhada em equacionar os problemas o mais rápido possível.

O presidente da Força Sindical, Rinaldo Junior, afirma que o poder público tem que resolver a pendência financeira:

Mais Lidas