CRISE

Prefeitura do Recife cortará 300 cargos comissionados para conter gastos

A medida faz parte de um pacote que pretende enxugar R$ 190 milhões em gastos, só este ano

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 04/09/2015 às 6:38
Leitura:
Foto: Andrea Rêgo Barros/ PCR

Diante da crise econômica nacional, a Prefeitura do Recife deve cortar até o final deste mês cerca 300 cargos comissionados existentes nas 24 secretarias do município. A decisão foi anunciada pelo secretário de Planejamento e Gestão, Alexandre Rebêlo, durante reunião com o prefeito Geraldo Júlio e com os demais secretários, ocorrida nesta quinta-feira (3), no Forte das Cinco Pontas, no bairro de São José, centro da capital.

A medida faz parte de um pacote que pretende enxugar R$ 190 milhões em gastos apenas este ano, como detalha o secretário na reportagem de Lélia Perlim:

As medidas têm como objetivo tentar diminuir o déficit de R$ 290 milhões nos cofres, preservando os serviços essenciais e mantendo a meta de investimentos de R$ 400 milhões para este ano.

O secretário garante ainda prosseguir com o pagamento dos servidores em dia e com a execução de serviços e obras essenciais.

A Prefeitura do Recife ainda pode adotar novas medidas caso o cenário econômico nacional não dê sinais de melhora.

Mais Lidas