SÉTIMA ARTE

Que Horas Ela Volta? vai representar o Brasil na disputa pelo Oscar 2016

Filme da diretora Anna Muylaert é protagonizado por Regina Casé

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 10/09/2015 às 16:06
Leitura:


O Ministério da Cultura anunciou, nesta quinta-feira (10), em evento no Rio de Janeiro, que o longa "Que horas ela volta?" vai representar o Brasil na disputa pelo Oscar 2016, na categoria melhor filme em língua estrangeira.

O filme da cineasta Anna Muylaert foi alvo de polêmica durante a exibição em Pernambuco. Após a exibição do longa, no Cinema do Museu, foi realizado um debate que contou com a presença da diretora. Foi quando os cineastas pernambucanos Lírio Ferreira e Cláudio Assis entraram juntos com garrafas de cerveja na mão.

A dupla causou desconforto na plateia que foi obrigada a ouvir xingamentos proferidos pelos dois, que chegaram a chamar a protagonista, Regina Casé, de “gorda”.

Por conta do ocorrido, a Fundação Joaquim Nabuco baniu, por um período de um ano, os dois cineastas de compor qualquer programação nos espaços culturais da Fundaj, incluindo as duas salas (os cinemas da Fundação e do Museu) que a instituição mantém no Recife.

Com Regina Casé no papel da empregada doméstica Val, "Que horas ela volta?" foi elogiado pela crítica do "New York Times", "Le Figaro", "El Pais" e "Guardian".

O longa também recebeu prêmios no festival de Berlim, na Alemanha, e de Sundance, nos Estados Unidos. Os indicados devem ser divulgados no dia 14 de janeiro de 2016.

Mais Lidas