Ajustes

Ajustes econômicos no Governo devem vir com cortes em programas sociais

O governo quer rever cronogramas e avaliar a necessidade das obras para adequa-las ao cenário de crise econômica

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 11/09/2015 às 7:45
Leitura:
O ministro da fazenda Joaquim Levy admite que sem aumento de tributos, não há como fechar as contas. Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O governo não garante mais recursos para programas sociais como o Minha Casa Minha Vida. O ministro da fazenda Joaquim Levy admite que sem aumento de tributos, não há como fechar as contas, enquanto o presidente do senado, Renan Calheiros, lembrou que os parlamentares já fizeram o dever de casa.

Na oposição, o líder dos democratas na Câmara dos Deputados, Mendonça Filho, pintou um cenário de catástrofe caso não sejam tomadas medidas urgentes para equilibrar as contas do governo começando pelo corte de gastos.

Nesta quinta-feira, o ministro da fazenda Joaquim Levy disse que o impacto na economia brasileira pode ser ainda mais intenso depois que o Brasil perdeu o selo de bom pagador anunciado pela agência Standard and Poor's.

Acompanhe a matéria de Romoaldo de Souza:


Segundo antecipou o ministro do planejamento Nelson Barbosa, o governo já está estudando fazer cortes em vários programas sociais, quer rever cronogramas e avaliar a necessidade das obras para adequar esses investimentos ao cenário de crise econômica.

Mais Lidas