SUSTO

Turista recifense relata momentos de medo durante terremoto que atingiu o Chile

Pelo menos dez pessoas morreram por conta dos abalos sísmicos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 17/09/2015 às 14:39
Leitura:
Recifense relatou que estava no supermercado quando sentiu o terremoto
Foto: Arquivo Pessoal


O susto foi grande para os turistas brasileiros que estão no Chile, por conta dos abalos sísmicos que o país sofreu na noite desta quarta-feira (16), por volta das 20h. O terremoto de 8,3 graus causou vários tremores durante a madrugada. Pelo menos dez pessoas morreram.

O turista recifense Thiago Cavalcanti, conta que passou o dia visitando as cidades de Valparaiso e Vina Del Mar, que ficam a cerca de 130 quilômetros da capital e, quando retornou para Santiago, percebeu os tremores ao fazer compras em um supermercado. "Quando eu cheguei perto da prateleira de vinho eu comecei a sentir as garrafas se batendo, como se estivesse passando um trem muito pesado do lado do mercado", detalhou Thiago. "A gente começou a se olhar e a gente viu que as pessoas começaram a caminhar próximo à pilastra para se segurar por causa do 'sacode' do chão", completou. Segundo Thiago, neste momento, ele e a família começaram a se perguntar se era um terremoto e depois confirmaram.

Veja o vídeo feito por Thiago no momento do terremoto:

Confira todos os detalhes na reportagem de Isabela Dias:

De acordo com Thiago, os moradores da cidade mesmo acostumados com o fenômeno, demonstram preocupação e medo pelas ruas de Santiago. "A gente viu muita gente daqui de Santiago, morador, pessoal local, assustado, o pessoal chorando", comentou, dizendo que o desespero começou após o terremoto, quando as pessoas corriam nas ruas, querendo ir ao encontro das famílias.

O terremoto aconteceu na semana das festas pátrias, as comemorações mais importantes do ano para os chilenos. No próximo sábado (19) é comemorado o Dia da Independência do Chile. Já no domingo (20), é celebrado o Dia da Glória no Exército. Ainda não há informações se estas festas vão ser realizadas.

Mais Lidas