POLÍTICA

“O governo avançou, mas ainda tem muito trabalho para ter maioria no Congresso”, diz Delcídio Amaral

O líder do governo Dilma no Senado comentou vitória do governo ao manter vetos da presidente

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 23/09/2015 às 10:53
Leitura:
Foto: divulgação


O senador Delcídio Amaral (PT-MS), líder do governo Dilma no Senado, celebrou a vitória governista no Congresso Nacional, mas avalia que ainda é preciso ter muita cautela e trabalhar muito para superar o atual quadro de crise política. Em entrevista ao programa de Geraldo Freire na Rádio Jornal, na manhã desta quarta-feira (23), ele comentou a manutneção de 26 dos 32 vetos da presidente Dilma Rousseff (PT). Ouça a entrevista completa:

A votação chamou a atenção do país e do mercado financeiro, pois mediu a capacidade do governo de aprovar medidas no parlamento, em um dia em que o dólar rompeu a barreira dos 4 reais. A sessão foi encerrada na madrugada e os últimos itens a serem analisados serão remarcados. “O governo mostrou que tem força na Câmara. Precisávamos dar uma resposta ao mercado de que temos controle na casa”, disse o senador.

O petista lembrou do esforço pessoal da presidente em negociar com os parlamentares e também lembrou que grandes nomes do setor empresarial temiam a queda dos vetos e o aumento de gastos em um momento delicado de crise econômica. “Estava se apresentando um quadro de descontrole. E o governo mostrou que não. Avançamos no Congresso”, afirmou.

Quando indagado sobre a possível perca de força do movimento pelo impeachmeant, o senador afirma que ainda é cedo para falar em maioria parlamentar. “O governo avançou, mas ainda tem muito trabalho para ter maioria no Congresso”, declarou. Sobre a reforma ministerial, que pode ser anunciada nesta semana, Delcídio diz que é importante recompor a base aliada: “Temos um governo de coalizão, precisamos de vários partidos para governar o país. A reforma ministerial fará uma dança das cadeiras”.

Mais Lidas