CONSULTÓRIO

Por que os homens têm que ser os fortes?

Consultório desta terça-feira (6) questiona o machismo e trata das vítimas de estupros

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 06/10/2015 às 19:52
Leitura:

O Consultório desta terça-feira (6) discutiu os traumas vivenciados pelas vítimas de estupros e o combate ao machismo. A apresentadora Graça Araújo recebeu o psiquiatra Luiz Carlos Albuquerque e o cientista social Wagner Montenegro. Luiz Carlos é o presidente da Sociedade Pernambucana de Psiquiatria. Já Wagner é ator do Núcleo de Experimentação do Teatro do Oprimido e educador do projeto Homem, Saúde e Violência de Gênero do Instituto Papai.

O cientista social falou sobre as experiências que teve na luta contra o machismo e defendeu uma mudança nos modelos de masculinidade. “Por que nós, homens, temos que ser os fortes? Por que nós não podemos expressar sentimentos? Por que a gente tem que usar a força física? A gente cresce aprendendo a ser homem dessa forma”, afirmou.

Já o médico explicou o quadro clínico das vítimas logo depois da violência. “Geralmente se forma com a experiência, com o trauma, o que a gente pode chamar de transtorno pós-traumático. E que implica uma série de sintomas, alguns mais conhecidos como o quadro depressivo, o aumento da ansiedade”, disse.

Ouça o programa na íntegra:

Mais Lidas