OCUPE UFPE

Dois ativistas são detidos durante ação de reintegração de posse na Reitoria da UFPE

Os estudantes estão acampados no local desde a última sexta-feira. Eles cobram mudanças para a aprovação do novo estatuto da universidade.

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 08/10/2015 às 6:27
Leitura:
Foto: Clarissa Siqueira/Arquivo Rádio Jornal


Reportagem de Rafael Carneiro

Duas pessoas foram detidas por agentes da Polícia Federal durante confronto de uma parte do grupo de estudantes que ocupam a Reitoria da UFPE com a PF e com o Batalhão de Choque da Polícia Militar. Cerca de 40 estudantes estão acampados no prédio desde a última sexta-feira (2). Estudantes reclamam do uso da violência durante a ação, que também tem o apoio do Corpo de Bombeiros.

Uma estudante que não quis se identificar diz que ouve abuso da força por parte dos policiais e que ainda existem estudantes dentro da reitoria que estão com medo de sair. "Tentaram agarrar um companheiro nosso que estava saindo e a gente se jogou em cima dele. Tiraram minha roupa ali dento [...] chegaram com o cacetete para bater em mulher", diz.

A advogada Maria José do Amaral, que representa os dois detidos, diz que está sendo impedida de conversar com os jovens. A reportagem da Rádio Jornal está no local para acompanhar a desocupação, que começou por volta das 6h. Ouça as reportagens de Rafael Carneiro:

Os estudantes estão acampados no local desde a última sexta-feira (2). Os jovens pedem a participação no conselho universitário da instituição afim de acompanhar os encaminhamentos de uma aprovação ou não de um novo estatuto elaborado por alunos, professores e técnicos admnistrativos em março deste ano. Eles acusam o conselho de barrar novamente o movimento de participar de uma sessão extraordinária de homologação de um documento que possui mais de 30 páginas.

Mais Lidas