VIOLÊNCIA

Estudante de direito denuncia violência e cenas de horror durante tentativa de assalto em ônibus

Maiara Xavier presta depoimento nesta terça na delegacia da várzea. Ela diz que está assustada e não consegue nem coragem de abrir a janela do carro

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 13/10/2015 às 11:32
Leitura:
Foto: reprodução/TV Jornal


A estudante, Maiara Xavier, de 21 anos, estava no ônibus TI Macaxeira/TI Tancredo Neves, quando um homem subiu pela porta de trás na BR-101, no Jiquiá. Ele pediu parada próximo à Ceasa e puxou a jovem pelo braço. A jovem se recusou a descer e foi arrastada pelas escadarias do veículo. Se segurando na porta do coletivo, ela foi espancada pelo agressor, que ainda a arranhou diversas vezes.

Depois de Maiara gritar pedindo ajuda, o homem saiu correndo e entrou em uma área de mata, nas margens da rodovia. Bastante abalada, a jovem relata os momentos de terror que viveu dentro do coletivo.

Maiara vai realizar um boletim de ocorrência na Delegacia da Várzea nesta terça-feira (13). Ela vai prestar a queixa após a realização de exames no Hospital Militar do Recife. De acordo com exames preliminares, a estudante quebrou um osso da mão onde pode haver necessidade de cirurgia e machucou as costelas durante a agressão. Segundo Maiara, foi a primeira vez que ela passou por uma situação parecida e está com muito medo.

Ainda segundo a estudante, a família pretende solicitar as imagens da câmera do ônibus para tentar identificar o suspeito. Maiara estava seguindo para o Terminal Integrado Tancredo Neves, onde pegaria outro ônibus para o Parque Dona Lindu, em Boa Viagem. A jovem não teve nenhum pertence levado pelo agressor.

Arrastão em parada de ônibus

Uma passageira foi ferida por um facão, durante um arrastão no ônibus CDU/Boa Viagem. Na hora do tumulto, o ônibus passava pela BR-101, nas imediações do bairro do Engenho do Meio, na Zona Oeste da Capital.

De acordo com passageiros, quatro homens entraram no coletivo com armas. Um dos usuários reagiu e teve início uma confusão. Durante a briga, uma passageira foi ferida de raspão, por uma faca, no ombro. Os assaltantes saíram do coletivo com bolsas e celulares.

A onda de insegurança virou rotina na área urbana da BR-101, no Recife, entre os bairros da Macaxeira e Barro. Muitos passageiros já reclamaram de assaltos e tentativa de estupro em pontos de ônibus da rodovia.

Mais Lidas