AVENIDA RECIFE

Motorista de ônibus atingido por paralelepípedo vai passar por cirurgia para reconstruir maxilar

O suspeito, que aparenta ter distúrbios mentais, foi encaminhado para o Hospital Ulysses Pernambucano

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 20/10/2015 às 10:40
Leitura:
Foto ilustrativa: repordução/ site Ônibus Brasil


Um motorista de ônibus levou uma pedrada na cabeça enquanto dirigia um veículo da linha Dois Carneiros Baixo. De acordo com a direção do Sindicato dos Rodoviários, José Leite de Queiroz, de 45 anos, estava na Avenida Recife quando foi atingido por um paralelepípedo. O assessor de Comunicação do Sindicato, Genildo Pereira, conta como foi a história:

José Leite de Queiroz, que é motorista da Empresa Vera Cruz, está internado no Hospital Getúlio Vargas e vai passar por cirurgia ainda nesta terça-feira (20). O estado de saúde dele é considerado estável, apesar de ainda não conseguir falar devido à fratura.

De acordo com o Sindicato dos Rodoviários, o agressor foi levado para a central de flagrantes da Polícia Civil para prestar depoimento. Em seguida, ele foi encaminhado para o Hospital Psiquiátrico Ulysses Pernambucano por apresentar distúrbios mentais. O motivo da agressão ainda é desconhecido.

O delegado Albérico Pires, que acompanhou a ocorrência, conta que outro veículo também foi atingido na noite dessa segunda-feira (19). “A gente não conseguiu ouvir o suspeito por que ele não dizia coisa com coisa”, afirma:

O suspeito da agressão se identificou como Thiago de Oliveira, mas a Polícia ainda não conseguiu confirmar se esse é o seu nome verdadeiro. Quando sair do surto, ele será ouvido novamente.

José Leite de Queiroz também será ouvido pela Polícia assim que tiver condições de falar. O veículo em que José Leite trabalhava foi levado para a central de flagrantes para ser periciado.

Mais Lidas