PASSANDO A LIMPO

Doutor em meteorologia falou das perspectivas de chuva para as áreas de captação de água no Passando a Limpo

A bancada do programa também conversou sobre os principais assuntos da atualidade

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 22/10/2015 às 21:38
Leitura:
Foto: Rádio Jornal

A bancada do programa Passando a Limpo, nesta quinta-feira composta pelos comunicadores Geraldo Freire, Maria Luiza Borges, Ivanildo Sampaio e Wagner Gomes conversou com o professor de clima da Univasf, Mário de Miranda, doutor em meteorologia, que fará uma palestra no Recife sobre as mudanças climáticas. O professor falou sobrea situação da barragem de Sobradinho e do volume do Rio São Francisco, e das perspectivas positivas de chuvas para regiões de captação de água.

"As pessoas muitas vezes interpretam ao pé da letra determinadas colocações que não são cinetíficas e nem numeramente corrretas", afimou. Segundo o professor, com o El Niño, o volume dos rios só tendem a subir, e que a partir desta sexta-feira (24) deve começar a chover nas áreas críticas. Mário explicou também as razões da onda de calor que está assolando a região central do país, e das questões da baixa umidade no interior de Pernambuco.

Foram assunto no programa tambem a briga de israelitas e palestinos, e o fato de, de acordo com pesquisa, 91% dos brasileiros quererem exame de órdem para médicos, a bancada discutiu a importância desse exame, e o questionou a qualidade dos cursos de medicina. As provas do Enem, e a questão do horário de verão também foi debatida.

Perdeu o Passando a Limpo? Confira a sua íntegra nos áudios abaixo:

Mais Lidas