CRIME

Corpos de mulheres mortas em hotel de luxo em Piedade permanecem no IML

O corpo de Juliana chegou ao IML na manhã desta segunda-feira, e o corpo de Pâmela continua no IML e aguarda por liberação

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 26/10/2015 às 11:04
Leitura:
Foto: Suellen Fernandes / Rádio Jornal

Ainda não há familiares para liberar os corpos de duas mulheres mortas por disparos de arma de fogo em um hotel de luxo, em Jaboatão dos Guararapes, Região Metropolitana do Recife. O caso foi registrado neste domingo (25) pelo Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa, e envolve a suspeita de crime passional.

Pâmela Ferreira da Silva, de 25 anos, estava na piscina do hotel com um amigo, um policial civil hospedado no local, quando a ex-esposa do policial chegou e teve início uma briga. No quarto do hotel, Juliana Saboia Ferreira da Silva, de 28 anos, efetuou o disparo que tirou a vida de Pâmela.

A polícia militar tentou negociar a situação, mas, sem sucesso, disparou contra Juliana. O corpo de Juliana chegou ao IML na manhã desta segunda (26). O corpo de Pâmela continua no Institudo e aguarda por liberação.

Confira os detalhes no flash de Rafael Carneiro:

Mais Lidas