ATENDIMENTO

Após fim da greve nos bancos privados, clientes tentam a sorte nos bancos públicos

Branco do Brasil, Caixa e Banco do Nordeste mantém a paralisação por tempo indeterminado

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 27/10/2015 às 12:03
Leitura:
Imagem: Arquivo/ABr


O anúncio do fim da greve dos bancários, depois de 21 dias de paralisação, agradou a população em Pernambuco. No Centro do Recife, as agências de bancos privados abriram normalmente, enquanto os bancos públicos permanecem em greve.

Na agência do Banco do Brasil da Avenida Rio Branco, apesar da manutenção da greve, clientes procuraram a agência para tentar um atendimento. A servidora pública Risadalva Alves foi até o local para tentar bloquear os cartões da conta, que foram roubados durante assalto. "A minha neta escutou que a greve havia sido encerrada, mas, quando cheguei aqui, descobri que ainda estava. Agora vou tebntar ligar para a Central de Atendimento para ver quando consigo bloquear", afirmou.

O fim da greve dos bancários aconteceu nessa segunda-feira (26), após a categoria aceitar a proposta de 10% de reajuste nos salários, no piso salarial e na Participação de Lucros e Resultados. Funcionários da Caixa Econômica Federal e do Banco do Brasil pedem a contratação de aprovados em concursos em 2013, além de pautas específicas. Já os funcionários do Banco do Nordeste, se reúnem na noite desta terça-feira (27) para avaliar as propostas.

Funcionários dos três bancos que ainda continuam em greve participam de uma reunião na noite desta terça-feira (27) para definir os rumos da paralisação. No mesmo dia, os bancários do Banco do Brasil planejam fazer uma manifestação na Praça da República, próximo ao Palácio do Campo das Princesas, em Santo Antônio, no centro da capital pernambucana.

Mais Lidas