GREVE

Professores da Funeso paralisam atividades pelo não cumprimento de salários e outros direitos

Segundo os funcionários, o acordo com a direção da unidade não está sendo cumprido

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 27/10/2015 às 15:06
Leitura:
Foto: Reprodução


Os professores da Fundação de Ensino Superior de Olinda (Funeso) vão entrar em greve novamente a partir desta terça-feira (27). Segundo a categoria, a direção administrativa não está cumprindo o pagamento dos salários e direitos previdenciários.

Em agosto deste ano, os professores paralisaram as atividades por 10 dias e voltaram a trabalhar depois de um acordo com a direção da Funeso, que prometeu o pagamento parcelado dos salários atrasados de 2015.

Segundo os funcionários, este acordo não está sendo cumprido pela instituição. Na próxima quinta-feira (29), os professores realizam uma nova assembleia para discutir os rumos da greve.

Mais Lidas