PROTESTO

Família de criança que morreu eletrocutada protesta contra a Celpe em Afogados

Marcos Vinícius Ferreira de Oliveira, de 5 anos, morreu no último dia 24, após receber uma descarga elétrica

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 29/10/2015 às 9:27
Leitura:
Foto: Isabela Dias/Rádio Jornal


Reportagem de Isabela Dias

Familiares e amigos do menino Marcos Vinícius Ferreira de Oliveira, de 5 anos, fazem um protesto na manhã desta quinta-feira (29) no bairro de Afogados, Zona Oeste do Recife. A criança morreu no último dia 24, após receber uma descarga elétrica. A família acusa a Celpe de negligência.

A caminhada, que teve ponto de partida do cruzamento da Estrada dos Remédios com a Rua Guarani. Os ativistas pedem justiça para que a morte do menino não saia impune. De acordo com a família, a Celpe não entrou prestou a assistência prometida. Os parentes já prestaram uma queixa na delegacia de Afogados.

Marcos Vinícius morreu depois de receber uma descarga elétrica ao tocar no portão da casa de uma vizinha. A criança foi levada para o Hospital Getúlio Vargas, mas já chegou ao local sem vida.

O menino brincava de futebol na rua com outros coleguinhas quando foi buscar a bola que caiu próximo ao portão. Segundo parentes e vizinhos, dias antes, a Celpe ligou um fio-terra no contador da casa, instalado ao lado do portão, o que pode ter provocado o vazamento da corrente.

Mais Lidas