FINADOS

Cemitério de Santo Amaro já recebe visitantes na véspera do Dia de Finados

Trabalhadores pintam, limpam e sinalizam as ruas do cemitério para receber as famílias que vão ao local para homenagear entes queridos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 01/11/2015 às 11:29
Leitura:
Foto: Reprodução


A movimentação de trabalhadores pintando jazigos, limpando e sinalizando ruas no Cemitério de Santo Amaro, na área central do Recife, nessa véspera do dia de finados é intensa. O objetivo é deixar tudo pronto para receber as famílias que vem render homenagens aos entes queridos enterrados no local.

A expectativa da Prefeitura do Recife é que aproximadamente 62 mil pessoas visitem os cinco cemitérios públicos da cidade. São eles: o Cemitério de Santo Amaro, Parque das Flores, Tejipió, Várzea e Casa Amarela.

Para isso, a Emlurb montou um esquema especial de limpeza que teve início às 6h deste domingo (1°), e deve seguir até as 22h, tanto dentro dos cemitérios como nas ruas do entorno. As atividades devem contar com a participação de 255 trabalhadores.

Mesmo com a programação de missas previstas para acontecer no dia de finados, algumas pessoas preferiram antecipar as visitas no Cemitério de Santo Amaro.

A repórter Lélia Perlim conversou com a doméstica Rozinete Feitosa, que explicou que prefere antecipar a visita, por acreditar que no dia de finados o local fica mais cheio. “Na véspera fica mais vago”, disse.

Entre os túmulos mais visitados estão o do cantor Chico Science e dos ex-governadores Miguel Arraes e Eduardo Campos.

O frentista Josemar Araújo resolveu visitar o túmulo da menina sem nome, atividade que ele já faz durante vários anos, e dessa vez veio fortalecida pela conquista de uma graça. “Em agradecimento por um exame que minha filha foi fazer e deu tudo negativo, graças a ela. E a ela eu venho todos os anos enquanto vida eu tiver”, contou.

Para a professora Sineide Moreira, não só o dia dois de novembro é um dia para render homenagem aos que já se foram, mais todos os dias. “Para mim todos os dias são importantes, eu lembro todos os dias das pessoas que foram e oro por elas todos os dias”, disse.

As missas no Cemitério de Santo Amaro, no dia de finados, têm início das 7h e encerram as 15h30. A celebração das 10h30 vai ser feita pelo arcebispo de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido. Água, sombrinhas e cadeiras de rodas vão ser fornecidas na entrada dos cemitérios.

Mais Lidas