GREVE

Paralisação nacional dos petroleiros chega ao 12º dia com pauta pelo Brasil

Em Pernambuco, um grupo de funcionários faz vigília permanente em Suape

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 12/11/2015 às 8:16
Leitura:
Foto: divulgação/Sindipetro


A categoria está em greve nacional desde o dia 1º de novembro e tem a adesão de quase 100% dos funcionários, de acordo com o Sindicato dos Petroleiros. Em Pernambuco, o protesto se concentra em frente ao Terminal Aquaviário de Suape e na Refinaria Abreu e Lima. Os trabalhadores permanecem no local 24 horas por dia, em esquema de revezamento.

Nessa quarta-feira (11), a Petrobras propôs reajuste de 9,53% nos salários dos empregados. Mas a principal reivindicação da categoria é o fim do plano de venda de ativos da estatal. Para driblar a greve, gestores e supervisores estão operando a refinaria a mais de 11 dias em condições precárias e com risco de acidentes.

Cerca de 20 sindicatos aderiram a manifestação em protesto contra a venda de ativos da Petrobras. A estimativa é de uma adesão de 80% da categoria em mais de 33 plataformas e terminais da estatal.A Petrobras criou uma comissão de negociação para discutir os termos de acordo coletivo de trabalho, que propõe redução de jornada de trabalho e alguns benefícios corporativos aos trabalhadores.

Mais Lidas