INVESTIGAÇÃO

Corpo de bebê é encontrado às margens da PE-01, em Olinda

Um laudo do IML vai determinar em até dez dias se a criança nasceu viva ou morta

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/11/2015 às 14:52
Leitura:
Foto: Lélia Perlim/ Rádio Jornal

O Instituto de Medicina Legal (IML) recolheu, na tarde desta terça-feira (24), o que seria o corpo de um bebê no terreno pertencente a Marinha, na PE-01, no Complexo de Salgadinho, em Olinda.

Na perícia do Instituto de Criminalística (IC) foi possível verificar que a menina ainda estava com o cordão umbilical. Os peritos acreditam que o parto não foi realizado na área. Um laudo do IML vai determinar em até dez dias se a criança nasceu viva ou morta.

O corpo estava enrolado em uma toalha e foi encontrado por um estudante de uma autoescola. O local é utilizado para aulas de direção. Confira os detalhes no flash de Lélia Perlim:

A conclusão será determinante para as investigações que serão realizadas pela delegada titular da Delegacia de Homicídios de Olinda, Gleide Ângelo. “O que vai definir a causa da morte é a perícia do IML, do tanatoscópico, que isso é importante pra gente saber que é crime é para investigar. Eu preciso saber se é um feto, se é uma criança que nasceu com vida, se morreu depois”, detalhou a delegada.

A polícia pede que, quem souber qualquer informação, ligue para o Disque Denúncia no telefone 34219595. O sigilo é garantido.

Mais Lidas