PREVENÇÃO

Polícia Federal orienta população na prevenção de golpes em agências bancárias

No último dia 15, foram presos dois suspeitos de adulterar caixas eletrônicos e estelionato em Toritama

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/11/2015 às 11:28
Leitura:
Foto: Divulgação/PM

Depois da prisão de Paulo Pina de Almeida, de 56 anos, e Laelson da Silva Pereira, de 47 anos, suspeitos de adulterar caixas eletrônicos e estelionato em diversas agências bancárias de Pernambuco e Alagoas, a Polícia Federal orienta a população na prevenção dos golpes. Os suspeitos foram presos no município de Toritama, no Agreste do estado, quando estavam dentro de uma agência bancária da Caixa Econômica Federal, com quase R$ 10.000, cheques, celulares, 11 cartões bancários, cinco cartões de lojas e 13 dispositivos conhecidos como “chupa-cabra”. Ouça abaixo o que diz o chefe de Comunicação da Polícia Federal em Pernambuco, Giovani Santoro, na matéria de Clarissa Siqueira:

As prisões aconteceram depois de uma informação de um cliente da agência bancária, que fez um depósito um dia antes, num terminal eletrônico, por meio de um envelope, mas não conseguiu imprimir o comprovante e percebeu que o compartimento de entrada de envelopes do terminal estava adulterado. Os suspeitos foram autuados por furto qualificado e, se forem condenados, poderão pegar penas que variam de dois a oito anos de prisão.

Mais Lidas