NA JUSTIÇA

SUS vai bancar cirurgia de R$ 3,5 milhões para pernambucano com síndrome do intestino curto

Weverton Fagner tem 18 anos e é morador de Vitória de Santo Antão. Ele está internado no Hospital Otávio de Freitas e vai fazer o transplante de intestino nos Estados Unidos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/11/2015 às 7:18
Leitura:
Campanha #ForçaWeverton arrecadou fundos para bancar a estadia da família nos Estados Unidos. Foto: reprodução/internet

O jovem Weverton Fagner de Medeiros Gomes sofre de uma doença rara - a chamada síndrome do intestino curto. Hoje ele sobrevive com ajuda de medicamentos e uma alimentação especial com apenas 10% do órgão.

A cura é obtida através de um procedimento cirúrgico realizado no Jackson Memorial Hospital, em Miami. Ao preço de r$ 3,5 milhões. A Justiça Federal determinou o pagamento dos custos do tratamento e restam apenas alguns detalhes para a viagem aos Estados Unidos. A data ainda não está marcada.

Desde junho, o rapaz, que fazia o curso de edificações em Vitória de Santo Antão, está internado no Hospital Otávio de Freitas. Uma campanha, sobretudo nas redes sociais, foi criada para arrecadar dinheiro e assim salvar a vida de Weverton.

Nadjânio Duarte, primo de Weverton, está animado com um desfecho feliz de uma história marcada pelo sofrimento:

Mais Lidas