ENTREVISTA

Jornalista Gerson Camarotti vem ao Recife lançar documentário Morte e Vida Severina

Gerson conversou com a bancada do Passando a Limpo, nesta sexta-feira (27)

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 27/11/2015 às 19:21
Leitura:


Jornalista Gerson Camarotti vem ao Recife, na segunda-feira (30), para exibição do documentário Morte e Vida Severina. Ele conversou com a bancada do Passando a Limpo, nesta sexta-feira (27).
Wagner Gomes, Ciro Bezerra, Geraldo Freire e Laurindo Ferreira falaram com Camarotti sobre a prisão do advogado de Nestor Cerveró, Edson Ribeiro. “Ele foi um personagem importante aqui em Brasília. No primeiro momento, Cerveró e a presidente Dilma Rousseff tiveram um embate duro. Naquele momento, no ano passado, existia a polêmica sobre a compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos, que deu um prejuízo quase que bilionário para a Petrobras”, comentou Gerson.
“A presidente atribuía [a situação] a um parecer falho, atribuído ao Nestor Cerveró”, relembrou, explicando que o advogando colocaria, a princípio, a presidente como a culpada pela situação. Em seguida, ele mudou o depoimento. “Ele trabalha nos bastidores para fazer essa inflexão do Nestor Cerveró, junto com o Delcídio Amaral”, frisou.
O documentário será lançado na Fundação Joaquim Nabuco, no cinema do Museu, na Avenida 17 de Agosto. Para participar ligue para o número 0800 878 0092.
Sinopse – O canal percorreu mais de 1.400 km no estado de Pernambuco para refazer o caminho do Severino, o personagem épico e trágico do poema “Morte e Vida Severina”, de João Cabral de Melo Neto. Sessenta anos depois que o poema foi escrito, o documentário nos leva a observar as realidades de tantos severinos e severinas. Durante a trajetória, a equipe convidou os moradores do sertão, da zona da mata e do Recife a ler trechos do poema, e foram assim surgindo muitas histórias comoventes e complementares à saga do Severino do João. O ator pernambucano Jesuíta Barbosa participa dessa coletânea de vozes.

Confira o programa:


Mais Lidas