AGRESTE

Médicos rejeitam proposta salarial da prefeitura e decretam estado de greve em Caruaru

Uma reunião está agendada para o dia 8 de dezembro

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 01/12/2015 às 15:24
Leitura:

Os médicos da rede municipal de saúde em Caruaru, no Agreste, decretaram estado de greve na noite dessa segunda-feira (30), após assembleia da categoria.

Para os profissionais, o valor oferecido pela prefeitura está abaixo do solicitado pela classe, que é de 8,5%. Segundo os médicos, a proposta do poder municipal ficou entre 5% e 7,29% da remuneração e nenhuma chega ao valor pedido. Essa negociação salarial é para o próximo ano e a contraproposta deveria ter começado a ser paga desde agosto deste ano.

Para o representante do Simepe, Paulo Maciel, com esse valor, fica difícil dar continuidade aos serviços na rede de saúde caruaruense. Uma reunião está agendada para o dia 8 de dezembro.

Os detalhes na reportagem de Núbia Silva:

Mais Lidas