CATOLICISMO

Santuário do Monte dos Guararapes abre as portas para cerimônia do ano da misericórdia

Nesta sexta-feira, Dom Fernando Saburido também participa do lançamento de caderno especial em homenagem a Dom Hélder Câmara

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 18/12/2015 às 7:10
Leitura:
Foto: reprodução/facebook Santuário Nossa Senhora dos Prazeres


O Santuário de Nossa Senhora dos Prazeres, nos Montes dos Guararapes, em Jaboatão, abrirá a Porta Santa, nesta sexta-feira (18), às 16h30. A solenidade marca o início do Ano Santo Extraordinário do Jubileu da Misericórdia.

O ato simbólico repetido em igrejas em todo o mundo também destaca os 50 anos do Concílio Vaticano II. Até novembro do ano que vem, os católicos devem refletir gestos e palavras, priorizando o amor e o perdão.

A Igreja foi construída nas primeiras décadas do Século XVII, em terras doadas pelo proprietário do Engenho Guararapes. O guardião do Santuário, Dom André dos Santos Vicente, atribui o período a um momento especial da religiosidade:

O arcebispo de Olinda e Recife, dom Fernando Saburido, estará no Palácio do Campo das Princesas, sede do governo estadual, às 9h. A cerimônia é organizada pela Comissão da Memória e Verdade – criada para apurar violações dos direitos humanos.

Será lançado o caderno especial Prêmio Nobel da Paz – a atuação da ditadura militar brasileira contra a indicação de Dom Hélder Câmara. O dossiê com 229 páginas comprova a informação de que o “Dom da Paz” foi perseguido pelo regime.

O religioso foi indicado ao Nobel da Paz entre personalidades internacionais nos anos de 1970 e 1973. Dom Hélder Câmara comandou a arquidiocese de Olinda e Recife por 25 anos e realizou um importante trabalho social e evangelizador.

Mais Lidas