BUSCAS

PF procura trio suspeito de arrombar por duas vezes agência da Caixa, em Abreu e Lima

A primeira investida dos homens foi no dia 1º de dezembro a segunda foi nessa quarta-feira (22)

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 24/12/2015 às 15:35
Leitura:
Agência da Caixa, em Abreu e Lima, foi arrombada duas vezes, só este mês
Foto: Divulgação/ Polícia Federal


A Polícia Federal em Pernambuco procura três suspeitos que teriam arrombado, pelo menos, duas vezes apenas este mês uma agência bancária da Caixa Econômica Federal no município de Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife.

A primeira investida dos homens foi no dia 1º de dezembro a segunda foi nessa quarta-feira (22). Imagens divulgadas, nesta quinta-feira (23), pela Polícia Federal mostram quando os três pulam o muro lateral da agência, quebram algumas grades de ferro e portas internas adentrando o estabelecimento.

Portas foram arrombadas nas duas ações

O assessor de comunicação da PF-PE, Giovani Santoro, destaca que nas imagens é possível ver o mesmo modo de ação dos suspeitos. “O que nos leva a crer que pode ser a mesma quadrilha, as mesmas pessoas que investiram no dia 1º. Eles voltaram agora por que perceberam, na primeira vez, que haviam cofres maiores e então levaram aparelhos de maçarico para poder ver se perfuravam esse cofre”, disse, acreditando ainda que eles são moradores da região.

Confira os detalhes na reportagem de Clarissa Siqueira:

Das duas vezes, eles não conseguiram levar dinheiro e o alarme foi acionado. Na fuga, os suspeitos, inclusive, deixaram objetos pessoais para trás. “Esse material vai passar por uma perícia técnica e aí a gente pode conseguir principalmente indícios e vestígios que vão facilitar a identificação desses bandidos. Em identificando, fica mais fácil a gente solicitar os respectivos mandados de prisão”, explicou.

Trio utilizou maçarico para tentar abrir cofre

Só esse ano foram 26 arrombamentos a agências da Caixa em Pernambuco. Ano passado foram 16. “É um número muito significativo. A gente percebe que esses arrombamentos são provocados muitas vezes por vulnerabilidade que os próprios bancos têm”, destacou, dizendo que os gerentes são orientados a reforçar a segurança.

Quem tiver qualquer informação pode ligar para o Disque Denúncia no 3421.9595.

Mais Lidas