INVESTIGAÇÃO

Polícia investiga mortes de dois detentos da Penitenciária Barreto Campelo

De acordo com a delegada Eliane Caldas, os crimes teriam sido cometidos por brigas entre os detentos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 02/01/2016 às 10:07
Leitura:
Foto: JC Imagem


A Polícia Civil e a direção da Penitenciária Barreto Campelo, investigam as mortes de Walter Lande de Brito Souza, de 36 anos e de Rondinely Gomes da Silva, de 38 anos, dentro da unidade prisional, nesta sexta-feira (1°).

Os dois foram mortos a facadas, um no pavilhão “C” e outro no pavilhão “E”. O primeiro crime teria sido cometido por volta das 17h e o segundo às 19h. O suspeito de assassinar Walter Lande, conhecido como “Lando”, é o Everson Viana da Silva, que foi preso em 2009, por homicídio e assalto. Já o suspeito de esfaquear Rondinely Gomes, Eberlande Cavalcante de Oliveira, que foi preso em 2009 por triplo homicídio.

Os dois prestam depoimento na manhã deste sábado (2), no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), no bairro do Cordeiro, zona Oeste do Recife. Quem coordena as ouvidas é a delegada Eliane Caldas.

Ela conversou com imprensa, mas não quis gravar entrevista. De acordo com a delegada, os crimes teriam sido cometidos por brigas entre os detentos. Em nota, a Secretaria de Ressocialização, informou que as circunstâncias estão sendo apuradas pela direção da unidade e pela Polícia Civil. Assim que foram confirmadas as autorias dos crimes, os suspeitos vão responder judicialmente.

Confira a reportagem de Clarissa Siqueira:

Mais Lidas