Conselheiro assume presidência pela quarta vez presidência do TCE de Pernambuco

O novo presidente substitui Valdecir Pascoal, que fica à frente da Segunda Câmara do Tribunal de Contas do Estado

FINANÇAS

Da Rádio Jornal

Foto: Divulgação/ Roberto Pereira/ SEI

Uma nova configuração no Tribunal de Contas do Estado (TCE) tomou posse nesta quinta-feira (7). Carlos Porto foi eleito por aclamação dos demais conselheiros e vai presidir o TCE no biênio 2016/2017. 

No discurso inicial prometeu fazer uso da experiência durante o exercício. Esta é a quarta vez que ele fica à frente do cargo. “É uma nova fase que nós vamos viver, uma fase de conturbação do país e a atuação do TCE tem que estar sempre presente neste momento para dar uma maior segurança à sociedade”, comentou. “Nós vamos ter uma preocupação principal com as auditorias de acompanhamento por que isso é o que dá o melhor retorno em termos de efetividade das obras”, destacou.

Confira os detalhes na reportagem de Rafael Carneiro: 

[uolmais_audio 15728939]

O novo presidente substitui Valdecir Pascoal, que fica à frente da Segunda Câmara do Tribunal de Contas do Estado.

A sessão especial realizada no prédio sede do tribunal reuniu ministros do Tribunal de Contas da União, deputados federais e estaduais, secretários e conselheiros e técnicos do TCE. 

O governador Paulo Câmara também fez parte da mesa do evento. “O Tribunal de Contas tem feito um trabalho importante. É uma instituição relativamente nova, mas que tem tido uma contribuição importante para o desenvolvimento de Pernambuco e do país”, disse o governador, elogiando o novo presidente do TCE pelas passagens anteriores dele no cargo.

Além do presidente TCE assinaram o livro de posse, o vice o conselheiro Marcos Loreto, Dircel Rodolfo para a Corregedoria do Tribunal, João Campos para a direção da Escola de Contas, Ranilson Ramos para Ouvidoria e Teresa Duere para presidência da Primeira Câmara.

Carlos Porto tem 65 anos, é bacharel em direito e ingressou no TCE em 1990 nomeado pelo ex-governador Carlos Wilson. 

TAGS

COMENTÁRIOS

Os comentários abaixo são de responsabilidade dos respectivos perfis do facebook.

CONTINUE LENDO