QUADRILHA

Polícia prende suspeitos de praticar golpe do boleto

Os suspeitos alojavam um vírus no computador da vítima e através dele era possível modificar o código de barras

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 08/01/2016 às 14:01
Leitura:

Os três homens presos durante operação da Polícia Civil de Pernambuco já tinham passagem por estelionato e atuação em crimes na internet. São eles: Marcelo Alves Oliveira Barbosa, o goiano Ronaldo Paixão de Lima e o hacker das operações, Roná Souza Soares.

“Quando a pessoa ia pagar pela internet, a numeração que saia era a do seu boleto, mas o código de barras era o da quadrilha. Você vai pagar o colégio do seu filho e pede pra imprimir, gerando um PDF. Esse PDF é corrompido, mudando o código de barras. Então você vai pagar achando que é a escola do seu filho, mas é na verdade o boleto da quadrilha, que recebe o dinheiro”, explicou o delegado João Gustavo Godói.

Existe a suspeita de participação de empresas de Pernambuco e de outros estados no fornecimento desses códigos usados no crime e depois do recebimento ocorria a divisão do dinheiro. A polícia também não sabe há quanto tempo os três estelionatários atuavam com os boletos nem quanto foi movimentado nas transações.

Confira a reportagem de Rafael Carneiro:

Mais Lidas