SOLIDARIEDADE

Mãe faz apelo para doação de sangue para bebê de 11 meses atacado por pitbull

Nicolas Adrian Barbosa da Silva permanece em estado grave na UTI Pediátrica do Hospital da Restauração

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 19/01/2016 às 7:26
Leitura:
Foto: reproção/TV Jornal


A feirante Karla Barbosa da Silva, de 29 anos, vai ao Fórum de Jaboatão nesta terça-feira (19) e depois segue para o Hospital da Restauração, no Derby, área central do Recife, onde o filho de 11 meses está internado. Com ferimentos no pescoço, nariz e orelhas, Nicolas Adrian Barbosa da Silva permanece em estado grave na UTI Pediátrica.

O ataque ocorreu na residência da família, no Jardim Monte Verde, no Ibura no último sábado (16). Para socorrer o bebê, populares tiveram que sacrificar o animal, que tinha seis anos e, segundo moradores, era dócil.

Agora, o paciente infantil necessita de sangue tipo “O” negativo, considerado o doador universal, mas, quem tiver outro tipo sanguíneo também pode doar. Após a doação, o sangue passa por diversos processos de segurança e dividido de acordo com a especificidade de ação, podendo salvar até quatro pessoas.

Para doar, é preciso ter entre 16 e 69 anos e estar bem de saúde, além de estar há pelo menos 12 horas sem ingerir bebidas alcoólicas. O Hemope fica na Rua Joaquim Nabuco, número 171, no bairro das Graças e funciona de segunda a sábado, das 7h15 às 18h630.

Karla Barbosa da Silva reencontrou o filho após passar o domingo presa por acusada de abandono de incapaz. A feirante afirma que diante da dor, sofrimento e humilhação não pretende largar o bebê em momento algum. “Só quero cuidar do meu filho”, diz.

O delegado de Cavaleiro responsável pelo inquérito, Felipe Rigueira, deve iniciar a etapa de depoimentos na tarde desta terça-feira (19). Ele afirma quais são os encaminhamentos adotados no caso a partir de agora:

Mais Lidas