METEOROLOGIA

Em Petrolina, no Sertão, em um dia choveu o previsto para um mês

Choveu bastante na cidade, tanto que o Aeroporto Senador Nilo Coelho ficou fechado, impossibilitado de realizar pousos e decolagens

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 22/01/2016 às 17:27
Leitura:

O município de Petrolina, no Sertão de Pernambuco, registrou um volume de chuvas acima do esperado. Choveu bastante na cidade, tanto que o Aeroporto Senador Nilo Coelho ficou fechado das 12h às 14h10.

O gerente de meteorologia da APAC, Patrice Rolando, falou sobre as fortes chuvas na região. “Nós estamos no Nordeste, desde o dia 24, com um sistema meteorológico em atividade que nós chamamos de vortex ciclone em ar superior”, explicou, detalhando que as chuvas começaram no litoral, se espalharam pelo Agreste e estão atingindo o Sertão.

Nesta sexta, durante o dia, desde a madrugada, a região de Petrolina e Lagoa Grande registrou chuvas bastante expressivas. “Nas últimas 12h, em Lagoa Grande, choveu 96 milímetros. Em Petrolina, 74 milímetros. Então, bastante chuva para aquela área”, destacou. “Em um dia, está chovendo quase o que se esperava para um mês”, apontou o especialista, que disse ainda que a média é de 80 a 90 milímetros.

Ele falou ainda sobre o previsão de chuva na região. Confira os detalhes na entrevista concedida a Adilson Oliveira:

A Infraero informou ainda que os voos cancelados serão remarcados de acordo com o horário de cada companhia. Os passageiros que se sentirem prejudicados podem procurar o balcão da empresa no aeroporto ou ligar para o telefone (87) 3867-9611.

Mais Lidas