FISCALIZAÇÃO

Lei Seca promove blitz educativa com ações integradas de saúde

A ação será nesta sexta-feira (5), na Av. Agamenon Magalhães, a partir das 16h

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 04/02/2016 às 11:35
Leitura:
Foto: Bobby Fabisak/JC Imagem

Para marcar o início do reforço nas fiscalizações de trânsito durante o Carnaval, a Operação Lei Seca realiza, nesta sexta-feira (5), a partir das 16h, blitz montada na Avenida Agamenon Magalhães, de mobilização, promoção de saúde e educação no trânsito.

Além da realização dos testes do bafômetro, os motoristas parados no bloqueio, receberão orientações sobre o risco da combinação entre álcool e direção, prevenção de doenças sexualmente transmissíveis, com a distribuição de camisinhas, dicas de saúde voltadas para o período carnavalesco, além de informações sobre o combate ao mosquito aedes aegypti. No local, os condutores ainda poderão aferir a pressão arterial.

A ação contará com a participação de profissionais da Secretaria Estadual de Saúde, agentes da Polícia Militar e do Detran, Samu, Corpo de Bombeiros, Batalhão de Polícia Rodoviária, Batalhão de Policiamento de Trânsito, além de enfermeiros, médicos e profissionais de Educação Física da Universidade de Pernambuco (UPE), além do Programa Estadual de Infecções Sexualmente Transmissíveis (DST/Aids).

Na ocasião, haverá demonstração de primeiros socorros para vítimas de acidentados de trânsito. Um veículo também rastreará, via radar, informações dos carros que estiverem passando pela via, identificando débitos ou qualquer restrição que o veículo apresentar.

CARNAVAL - Desta sexta-feira (5) até a Quarta-Feira de Cinzas (10), a Operação Lei Seca será reforçada nos principais focos de folia no Grande Recife, interior e litorais do Estado. As nove equipes irão trabalhar em sistema de rodízio em avenidas estratégicas. Para reforçar a fiscalização, as atuações serão feitas em parceria com o Departamento de Estradas de Rodagem do Estado de Pernambuco (DER-PE), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e guardas municipais.

Durante as blitze, as equipes ainda irão distribuir folders com informações sobre a rede estadual de Saúde, incluindo endereços e especialidades das unidades, além dos serviços municipais. Também serão distribuídos à população materiais sobre as doenças transmitidas pelo aedes aegypti e camisinhas.

Mais Lidas