FUTEBOL

Náutico vence Central em Caruaru, mantém liderança e 100% de aproveitamento

Com gols de Bérgson e Thiago Santana, o timbu bateu a patativa por 2 a 0

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 04/02/2016 às 23:15
Leitura:
Foto: Fernando da Hora / JC Imagem

Estreia para um e consolidação para outro. Foi assim que Central e Náutico entraram em campo, no estádio Luiz Lacerda, em Caruaru, pela segunda rodada do campeonato pernambucano. Enquanto o Náutico queria se consolidar neste início de competição após vencer um clássico contra o Santa na estreia, o Central fez a estreia, já que o desafio contra o América na primeira rodada foi adiado.

A equipe alvirrubra venceu por 2 a 0, manteve os 100% de aproveitamento. Bérgson marcou o primeiro aos 26 minutos da segunda etapa, e Thiago Santana aos 43 minutos fechou o placar. Com esse resultado, o Náutico permaneceu na liderança isolada da competição, com 6 pontos ganhos. Já o Central segue na 5º posição, sem nenhum ponto conquistado.

O Escrete de Ouro acompanhou a partida na íntegra pela AM780, FM 90.3 e pelo www.radiojornal.com.br. Direto do estádio Luiz Lacerda em Caruaru, Iran Carvalho narrou a partida com os comentários de Maciel Júnior. Combé Júnior ficou com as reportagens do Central e Leonardo Bóris com o Náutico.

Na próxima rodada o Náutico recebe o Salgueiro na Arena Pernambuco. Já o Central recebe o Sport no Lacerdão.

Confira os gols da partida, na narração de Iran Carvalho:

FICHA DO JOGO

Central: Juninho; Henrique, Vinícius e Márcio Paraíba (Leo Olinda); Gustavo Henrique, Charles Wagner, Daniel Paraíba, Araújo e Sadrak (Siderval); Rony e Índio (Lima). Técnico: Flávio Barros.

Náutico: Júlio César; Rafael Pereira, Ronaldo Alves, Fabiano Eller e Gastón Filgueira; Elicarlos, Rodrigo Souza, Caíque, Rony (Rafael Ratão) e Bergson; Daniel Morais (Thiago Santana). Técnico: Gilmar Dal Pozzo.

Local: Estádio Luiz Lacerda, em Caruaru. Árbitro: Tiago Nascimento dos Santos (PE). Assistentes: Ricardo Chianca e Charles Rosas Pires (ambos de PE). Gols: Bergson, aos 26; e Thiago Santana, aos 43 do segundo tempo. Cartões amarelos: Rodrigo Souza, Siderval e Fabiano Eller.

Mais Lidas