CARNAVAL 2016

Tradição e alegria marcam mais uma edição do Encontro de Maracatus do Baque Solto

O encontro, criado há 26 anos pelo Mestre Salustiano, acontece toda segunda-feira de carnaval

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 08/02/2016 às 18:55
Leitura:
Foto: Isabela Dias/Rádio Jornal

A tradição do maracatu encanta gerações e sempre está presente no carnaval pernambucano. Há 26 anos, o Mestre Salustiano criou o Encontro de Maracatus de Baque Solto de Pernambuco, que acontece sempre na segunda-feira de carnaval (8). Neste ano, participam 37 grupos de maracatu, vindos da Zona da Mata de Pernambuco.

Este ano, o encontro celebra os 101 anos da cultura do maracatu de baque solto e homenageia Gentil do Leão Misterioso, de Tracunhaém, e Maná Roque do Leão das Cordilheiras, de Araçoiaba, dois grandes mestres da cultura popular.

O filho do Mestre Salu, Maciel Salustiano, conta que o encontro começou com 12 maracatus, contando hoje com 114. “Manter a tradição não é fácil. Maracatu rural é feito de pessoas, trabalhadores rurais da palha da cana. Embora haja apoio do governo, queremos também chamar a atenção da gestão pública, porque existem maracatus com mais de 100 pessoas e não é fácil pôr um maracatu na rua”, afirma.

Mais Lidas