CONEXÕES

Encontro promovido na Alepe discute os impactos econômicos com mini-hub da Azul Linhas Aéreas

Com a implantação do equipamento o aeroporto vai sair dos atuais 12 destinos para 24 novos destinos

Da Rádio Jornal
Da Rádio Jornal
Publicado em 18/02/2016 às 15:22
Leitura:
Foto: Divulgação

A partir da próxima segunda-feira (22) a Azul Linhas Aéreas inicia nova operação no aeroporto internacional do Recife com voos regulares para 12 novas cidades.

Nesta quinta-feira (18), foi realizado um encontro na Assembleia Legislativa, com o objetivo de discutir os impactos econômicos e sociais da ampliação da atuação da Azul em Pernambuco.

A reunião foi promovida pelo deputado e presidente da Comissão de Desenvolvimento Econômico e Turismo da Alepe, Aluísio Lessa. Ele fala sobre o encontro e a importância da instalação do centro de conexões da azul. “A confirmação da vinda desse pequeno hub e a Azul é um centro de conexões que eles já estavam conversando com o Governo de Pernambuco no ano passado e com essa confirmação a Assembleia se soma ao esforço do Governo de Pernambuco e hoje aqui a gente faz esse expediente especial para agradecer a Azul por acreditar em Pernambuco”, disse, acrescentando que o equipamento trará empregos e ajudará o turismo.

Isabela Dias traz os detalhes:

O secretário de Turismo do estado, Felipe Carreras, também esteve presente na Alepe. Ele destaca os benefícios com a chegada da nova operação. “Os nossos estudos apontam que nos próximos cinco anos nós vamos ter um incremento de R$ 2,5 bilhões fruto do impacto que essa nova malha, os novos destinos que Pernambuco vai conectar. Nós vamos pular de 12 destinos para 24 novos destinos. Por dia, a movimentação vai passar de 4.500 passageiros para 6.500 passageiros”, aponta o secretário. “Isso vai incrementar também o emprego nós temos uma expectativa de criar nos próximos cinco anos de gerar 5.500 empregos para os pernambucanos”, completou.

Ainda de acordo com Felipe Carreras, o início da nova operação da Azul também vai consolidar o turismo da Região Nordeste e potencializar o hub internacional da Latam.

Com a nova operação, os voos irão contemplar com ligações diárias e sem escalas as cidades de Brasília, Belém, João Pessoa, Petrolina e Juazeiro do Norte, além de Campina Grande que terá as operações retomadas. Haverá ainda frequências aos sábados para as cidades de São Paulo, Curitiba Goiânia, Ilhéus, Porto Seguro e Presidente Prudente.

Mais Lidas